Arcinoé Antonio Peixoto Faria, heraldista e professor, é o autor da bandeira do município de Guarulhos, instituída como um dos três símbolos da cidade apresenta as seguintes características:Esquartejada em cruz, sendo os quartéis de azul constituídos por quatro faixas brancas carregadas sobre faixas vermelhas, dispostas duas a duas no sentido horizontal e vertical e que partem do vértice de um losango branco-central, onde o brasão municipal é aplicado”.

O esquartejamento em cruz, conforme a tradição heráldica portuguesa, simboliza o espírito cristão do povo de Guarulhos; o brasão central expressa o governo municipal, figurando como sede do município o losango onde é aplicado. As faixas representam o poder municipal que se expande a todos os quadrantes do território e os quartéis assim formados representam as propriedades rurais existentes no chão de Guarulhos.

Bandeira de guarulhos, significado, cores, motivos, lei

                                                    Bandeira do município instituída pela lei nº1679/71.

As cores da bandeira da cidade identificam-se com as brasão, simbolizando, azul, justiça, nobreza, perseverança, zelo, lealdade, recreação e formosura; o branco, simbolismo de paz, trabalho, amizade ,prosperidade e pureza; o vermelho, o amor pátrio, dedicação, audácia, desprendimento, valor, integridade e coragem.

Obedece o nosso lábaro, às dimensões oficiais adotadas para a bandeira nacional levando-se em consideração catorze módulos de altura por vinte módulos de comprimento do retângulo. Com hasteamento obrigatório às 8 horas de cada dia e arreamento às 18. Quando usada no período noturno deve permanecer iluminada. Para o seu hasteamento, observam-se as seguintes regras: quando hasteada em conjunto com a nacional e a estadual, ficará a nacional ao centro, a estadual à direita e a municipal à esquerda. Quando distendida sem mastro em rua, praça, entre edifícios ou portas, será postada ao comprido,com o lado maior do retângulo,em sentido horizontal e a coroa municipal voltada para cima.

 

Bibliografia:Repaginando a história –Símbolos da cidade

Autor:João Ranali

27-07-2017
Bandeira de guarulhos, significado, cores, motivos, lei

A bandeira de Guarulhos e seus significados

Arcinoé Antonio Peixoto Faria, heraldista e professor, é o autor da bandeira do município de Guarulhos, instituída como um dos três símbolos da cidade apresenta as seguintes características:“Esquartejada em cruz, sendo os quartéis de azul constituídos por quatro faixas brancas carregadas sobre faixas vermelhas, dispostas duas a duas no sentido horizontal e vertical e que partem do vértice de um losango branco-central, onde o brasão municipal é aplicado”.
02-06-2017
Mapa de Guarulhos, 1938, Geografia, história

Urbanização em Guarulhos: Plano Diretor em Pauta

Um dos paradigmas do urbanismo dos séculos XIX e XX é a metáfora cunhada por Sergio Buarque de Holanda ao tratar do processo de colonização espanhola e portuguesa: o semeador e o ladrilhador. A partir dos olhares sobre a cidade colonial, um dos expoentes da nossa literatura, instituiu uma interpretação sobre a América Latina. Em contraponto a desordem e ao desleixo dos aventureiros portugueses, havia o trabalho sistemático dos ladrilhadores espanhóis. Isto poderia ser facilmente observado ao compararmos os centros antigos do Rio de Janeiro e de Lima, no Peru, por exemplo.
04-05-2017
Lei, patrimônio imaterial, guarulhos, Conselho de Patrimônio, cidade

Como solicitar o registro de bem imaterial

No último artigo sobre leis falamos de maneira introdutória sobre o que é o patrimônio imaterial. Em suma, são expressões culturais vivas, manifestadas através de celebrações estéticas, cênicas, musicais, lúdicas que se ligam à tradição de determinada população como parte de sua identidade.
27-05-2016
Festa da Carpição, Festa de Nossa Senhora de Bonsucesso, patrimônio imaterial, lei do patrimônio cultural, lei, Guarulhos

A proteção jurídica do patrimônio imaterial em Guarulhos

Já falamos aqui neste espaço sobre a legislação atinente ao Tombamento de Bens Culturais guarulhenses. Apontamos também que a figura jurídica do Tombamento refere-se à preservação de um bem material e tangível, como uma casa, uma antiga igreja, ou um acervo de obras de um artista relevante.