Assessoria de Comunicação da AAPAH

Prefeitura nega projeto de restauro aprovado na gestão anterior e propõe parceria para fazer o inventário de bens tombados

A AAPAH – Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico vem por meio desta nota informar aos cidadãos guarulhenses sobre as últimas tratativas do patrimônio cultural de Guarulhos em discussão com o atual governo municipal.

Na reunião do Conselho de Patrimônio Histórico realizada no dia 27/01, representantes da prefeitura apresentaram um processo instaurado pelo ministério público obrigando a prefeitura a executar o inventário de 15 bens tombados. Segundo a prefeitura, não há verba disponível para fazer o trabalho, assim a AAPAH e outras entidades se colocaram a disposição de fazer uma parceria com o poder público para contribuir com a criação do inventário.

A AAPAH vai utilizar parte da verba do Ponto de Cultura para custear o serviço dos pesquisadores para inventariar quatro bens iniciais – Casa da Candinha, Antigo Paço Municipal, Casa José Maurício e Antiga Estação de Trem.

Outra questão urgente também foi pauta nos últimos dias, na segunda-feira (30/01), o vice-prefeito Alexandre Zeitune recebeu o historiador Elmi Omar (AAPAH e Eliana Panariello Paulenas (Admiradores da Casa da Rua Sete de Setembro) para tratar sobre a restauração do casarão.

Alexandre Zeitune, que também é responsável pela Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, foi taxativo em afirmar que não concorda com projeto de restauração da Casa José Maurício aprovado pela gestão anterior. Zeitune também reiterou a falta de verba para fazer a obra.

O vice-prefeito sugeriu uma concessão para a AAPAH administrar o projeto de restauro e futuro uso da Casa José Maurício, também se colocou a disposição para apresentar empresários que teriam pretensão em ajudar financeiramente o restauro.

A Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico, mesmo reconhecendo a obrigação da Prefeitura Municipal de Guarulhos em executar o projeto de restauro e futuro uso, se colocou a disposição para fazer uma pesquisa sobre o orçamento do projeto e reunir interessados em financiar a restauração da Casa José Maurício.

A nossa entidade atualmente não tem verba para executar o projeto de restauração, mas percebe a obrigação de tirar o casarão do abandono e dar um novo uso para o local. Assim, no momento estamos fazendo contatos com escritórios de arquitetura especializados em restauro de imóveis. A AAPAH se coloca como representante da sociedade guarulhense para dar uma nova vida para a Casa José Maurício, mas também solicita a colaboração de todos munícipes para fazer este projeto se tornar realidade.

A nossa entidade está montando uma agenda conjunta para definir os próximos passos e esperamos a participação de qualquer interessado.

01-02-2017

Informações sobre a Casa José Maurício e o inventário

A AAPAH – Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico vem por meio desta nota informar aos cidadãos guarulhenses sobre as últimas tratativas do patrimônio cultural de Guarulhos em discussão com o atual governo municipal.
12-01-2017

Baixe grátis a Revista Patrimônio Cultural

Revista do Patrimônio Cultural de Guarulhos contou com recursos adquiridos por meio de financiamento coletivo. Conheça os bens guarulhenses.
15-12-2016
revista patrimonio cultural de guarulhos, lançamento da aapah, promoção do patrimônio, arquivo histórico de guarulhos

Sábado tem lançamento de livro e revista no Arquivo Histórico

No próximo sábado (17/12/2016), às 10h, acontecerá o lançamento da “Revista do Patrimônio Cultural de Guarulhos” e do livro “Memórias e Patrimônios Históricos de Guarulhos”.
08-11-2016
No próximo sábado (12/11), a AAPAH – Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico organiza o seu quinto seminário. Neste ano o tema será “Desafios Urbanos para a Conservação do Patrimônio Cultural”. O evento se inicia com a recepção e café da manhã, a partir das 8h30.