Festa da Carpição, Festa de Nossa Senhora de Bonsucesso, patrimônio imaterial, lei do patrimônio cultural, lei, Guarulhos
A proteção jurídica do patrimônio imaterial em Guarulhos
27-05-2016
deck do amor, dias dos namorados, Cidade das Flores, Holambra, casais, cadeado
Deck do Amor em Holambra é opção para apaixonados
07-06-2016

Cabuçu abriga cinturão verde e pioneirismo da barragem de água

Cabuçu, primeira barragem de concreto do Brasil, água, natureza, cinturão verde

Natureza e história do Cabuçu

A Associação Amigos do Patrimônio e Arquivo Histórico realizou no último sábado mais uma caminhada em Guarulhos pelo Projeto “Redescobrindo Minha Cidade”, o roteiro contemplou parte da região ambiental e histórica do Cabuçu, considerado o terceiro bairro mais antigo da cidade e que corresponde cerca de 30% do território guarulhense.

O Cabuçu é considerado o Cinturão Verde do Município e do Estado por preservar aproximadamente 678 espécies de plantas e animais, alguns bem simbólicos na região, como o macaco bugio e sauás, a onça parda, o beija-flor rubi, entre outros. O bairro conserva um importante legado da Mata Atlântica, bioma de floresta tropical e típico da costa leste brasileira, um dos mais afetados pela intervenção humana, por isso é hoje uma UC – Unidade de Conservação – e tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Outra curiosidade do Cabuçu é a existência de outro bioma, que é muito típico da região norte e centro oeste do país, falamos do cerrado. Estudos apontam que o cerrado já foi um bioma nativo paulista, mas praticamente sepultado entre camadas de concreto e cimento, em Guarulhos, mais especificamente entre o Santuário Bom Jesus da Cabeça e o Pico Pelado, podemos encontrar resquícios desse cerrado paulista.

A caminhada iniciou-se no Parque Estadual da Cantareira – Núcleo Cabuçu, o grupo teve acesso à diversidade nativa da Mata Atlântica, a estrutura do parque e a Barragem do Cabuçu, primeira grande obra de concreto armado do país, inaugurada em 1907 e financiada pela antiga Companhia Cantareira para abastecer a população paulistana. Após chuva, o roteiro continuou até seu destino final, a Capela do Bom Jesus da Cabeça, construída em 1850 pelo escravo Raimundo Fortes em homenagem póstuma a antiga proprietária da Fazenda Cabuçu, Sesmaria que deu origem ao loteamento de dois grandes bairros: Cabuçu e Vila Galvão.

Cabuçu, primeira barragem de concreto do Brasil, água, natureza, cinturão verde

Barragem do Cabuçu inaugurada em 1907, a primeira grande obra de concreto armado do Brasil. Ano: 2016. Acervo: AAPAH/Bruno Leite de Carvalho

A AAPAH organiza ainda algumas outras novidades para 2016, passeio para o Morro do Nhanguaçu na região do Água Azul e visita ao São João, zona mineira e Sítio da Candinha. Fiquem atentos a nossa programação nas redes sociais.

Ellen Taís Santana
Ellen Taís Santana
Historiadora, diretora financeira da AAPAH, coautora do livro “Signos e Significados em Guarulhos: identidade, urbanização e exclusão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.