Dois imóveis da região histórica de Bonsucesso são demolidos

Atrativos turísticos devem ser valorizados
09-11-2015
A fundação e as alterações na Catedral de Nossa Senhora da Conceição
22-11-2015

Demolição tinha alvará da Secretaria de Desenvolvimento Urbano

Na última sexta-feira (06/11), o presidente do Conselho de Patrimônio Histórico de Guarulhos, Elmi Hage Omar, recebeu a informação sobre a derrubada de dois imóveis que ficavam em frente a catedral, no perímetro de tombamento da região histórica de Bonsucesso.

O historiador Elmi Omar foi até o local para constatar o ocorrido, as máquinas já tinham colocado as duas casas no chão.

Fachadas das casa que foram demolidas. Imagens retiradas do Google Maps, compartilha pela fotógrafa Marina Pinto.

Fachadas das casas que foram demolidas. Imagens retiradas do Google Maps, compartilhada pela fotógrafa Marina Pinto.

“Os operários ligaram para o patrão para trazer a documentação, o alvará de demolição. O proprietário chegou com a documentação válida”, afirma o historiador.

Como as fachadas dos imóveis eram pertencentes à paisagem do entorno da Catedral Nossa Senhora de Bonsucesso, patrimônio histórico tombado pelo decreto municipal n° 21143/2000, o pedido de demolição deveria passar por parecer do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico.

Restos dos imóveis no dia da demolição. Acervo: AAPAH/Elmi Omar. Ano 2015.

Restos dos imóveis no dia da demolição. Acervo: AAPAH/Elmi Omar. Ano 2015.

“O problema está na autorização que a prefeitura deu sem consultar o Conselho, já enviamos a vários setores da prefeitura um ofício  alertando a necessidade de aprovação do Conselho (para casos de alteração no entorno ou em propriedades tombadas), mas vez por outra somos surpreendidos”, Elmi Omar observa o erro cometido pela prefeitura ao emitir o alvará de demolição.

O documento emitido para demolição está registrado pelo processo n° 27.676/2015. O proprietário conversou com os representantes do Conselho e aceita receber sugestões do órgão de patrimônio histórico para a construção da nova fachada.

Assessoria de Comunicação da AAPAH
Assessoria de Comunicação da AAPAH
Contatos a assessoria de comunicação da AAPAH: E-mail: bruno@aapah.org.br Celular: 11 98241-4408

Comments are closed.